Pois também eu te digo que tu és Pedro, e sobre esta pedra edificarei a minha igreja, e as portas do inferno não prevalecerão contra ela;

(Mt 16-18)

Prevalecer vem do grego  ischuo e traduz ideia de ter poder, ser forte, ter plena saúde.

O nome próprio Pedro (Petros, em grego) significa pedaço de pedra.

Na antiguidade, a pedra assumia valor sentimental e econômico. Na vida social, uma pedra branca era usada nos dias de festa. Nos momentos de calamidades, usavam-se a pedra preta. 

Nos tribunais, uma pedra branca era símbolo de absolvição. A preta, condenação.

 

Vós também, como pedras vivas, sois edificados casa espiritual e sacerdócio santo, para oferecer sacrifícios espirituais agradáveis a Deus por Jesus Cristo. ( 1 Pe 2.5)

 

Pedro recebeu de Jesus o título de Pedra sobre a qual a igreja seria edificada com a garantia de que o poder de saúde, força e vigor não seria do inferno que se levantaria contra ela, e, sim, da igreja revestida do poder vindo do céu de luz.

O título foi estendido à humanidade por Pedro. Ser pedra viva espiritualmente poderosa para prevalecer sobre o tentador não seria tarefa somente do apóstolo que viveu experiências sobrenaturais.

Fácil lutar contra o inferno e prevalecer? Não. Jesus disse que o caminho estreito e difícil deveria ser trilhado com aflições.

 

A vitória virá na consumação dos séculos. A igreja triunfante prevalecerá definitivamente contra as hostes da maldade. Hoje, a testemunha de Jesus incomoda o inferno e por essa razão sofre ameaças, injúrias e perseguições.

 

Quem tem ouvidos, ouça o que o Espírito diz às igrejas: Ao que vencer darei eu a comer do maná escondido, e dar-lhe-ei uma pedra branca, e na pedra um novo nome escrito, o qual ninguém conhece senão aquele que o recebe. (Ap. 2.17)

 

         O sofrimento de quem está no comando de uma igreja em obediência à ordem divina é grande. Porém, nada se compara à recompensa preparada para o dia glorioso das bodas do Cordeiro. Uma pedra branca será entregue com um novo nome.

         Não houve quem pontuou as dificuldades físicas e espirituais para levar a frente o ministério da igreja iniciada por Jesus com Pedro.

         Inúmeras e incontáveis são os bloqueios colocados por Satanás para que a igreja não triunfe.

         Entretanto, maior que o inferno é Jesus, que triunfou a morte e recebeu o nome que está acima de todos os nomes.

 

E as doze portas eram doze pérolas; cada uma das portas era uma pérola; e a praça da cidade de ouro puro, como vidro transparente.
E nela não vi templo, porque o seu templo é o Senhor Deus Todo-Poderoso, e o Cordeiro. (Ap 21-21)

 

No novo céu, o templo, que hoje hospeda a igreja de Cristo na terra, desaparecerá.

Os crentes em Jesus, que são templos do Espírito Santo, farão parte da grande nuvem de testemunhas que seguirá Jesus na grande batalha contra as trevas e prevalecerão sobre o inferno e toda hoste maligna.

E cantarão o hino da vitória com vestes brancas nas ruas adornadas de pedras preciosas.

Vale sofrer em multiplicar o talento recebido para edificação da igreja? Sem dúvida, sim. Um novo nome numa pedra branca está guardado para os que seguem avante.

Por Auxilandia, pastora em Cristo Jesus.

16 - 06 - 2016     

 
  Voltar para índice de mensagens
|- - IEMB - Design: João Batista A.P - Igreja Evangélica Missionaria Brasileira- Leia a Bíblia, ouça a voz de Deus - Ministério: Pr. João Nogueira Pimenta -|