Louvai ao Senhor e invocai o seu nome: fazei conhecidas as suas obras entre os povos. ( Sl. 105)

 

         Cântico vem do grego ode e significa canção. Essa palavra é encontrada tanto no Antigo como no Novo Testamento e denota a celebração a Deus pelos seus feitos.

        

Falando entre vós com salmos e hinos, e cânticos espirituais, cantando e salmodiando ao Senhor no vosso coração. (Ef. 5.19)

 

         Paulo registrou aos irmãos de Éfeso que as reuniões entre os santos devem conter os cânticos entoados com a unção do Espírito Santo.

         Ele deixou claro que coisas das trevas são condenadas pela luz e pediu que remissem o tempo, porque a maldade pontua a vida e faz o dia mau vir sobre os que dormem.

 

Dando sempre graças por tudo a nosso Deus e Pai, em nome de nosso Senhor Jesus Cristo (Ef. 5.20)

                   A música tem feito parte da história da humanidade. E tudo que é perfeito, que traz louvor a Deus passa pela peneira do coração de quem adora em espírito e em verdade.

         Que canção adentrará o ser do crente? Apenas a que atribui ao criador a honra, a glória, o louvor.

E cantavam o cântico de Moisés, servo de Deus, o e cântico do Cordeiro, dizendo: Grandes e maravilhosas são as tuas obras, Senhor, Deus todo poderoso! Justo e verdadeiros são os teus caminhos, ó Rei dos Santos.  ( Ap 15.3)

         João descreve nesse capítulo de Apocalipse a canção entoada pelos anjos de Deus ao efetuar o juízo sobre a terra. Cantar traz a eternidade para o coração e o reino espiritual é movido.

         O cuidado é pouco. Assim como a luz desce ao som do cântico espiritual dirigido a Deus, as trevas podem descer quando uma nota é tocada em adoração a Satanás.

         E quantas canções mundanas aparentemente inocentes são capazes de mudar o rumo do caminho de quem canta! Pactos são feitos por adoradores das trevas em troca de sucesso. O resultado? Ruim para a humanidade. Por isso, cantemos ao Senhor.

Quem não te temerá, ó Senhor, e não magnificará o teu nome? Porque só tu és santo; por isso, todas as nações virão e se prostrarão diante de ti, porque os teus juízos são manifestos. (Ap. 15.4)

         O povo de Israel aprendeu a adorar nos momentos de  grandes feitos com cânticos de vitórias. Nas horas de angústia e tribulação, no dia mau, adoravam também.  Entoavam cânticos em busca de alívio da dor e do desespero.

Por que estás abatida, ó minha alma, e por que te perturbas dentro de mim? Espera em Deus, pois ainda o louvarei pela salvação que há na sua presença. (Sl 42.5)

A resposta era imediata:

 Contudo, de dia o Senhor ordena a sua bondade, e de noite a sua canção está comigo, uma oração ao Deus da minha vida.
 (Sl. 42.8)

 

Por Auxilandia, pastora em Cristo Jesus.

12 - 10 - 2016     

 
  Voltar para índice de mensagens
|- - IEMB - Design: João Batista A.P - Igreja Evangélica Missionaria Brasileira- Leia a Bíblia, ouça a voz de Deus - Ministério: Pr. João Nogueira Pimenta -|